×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 62
segunda-feira, 10 maio 2010 02:00

Dos mestres à Academia Galega da Língua Portuguesa na Galiza

Professor Ricardo Carvalho Calero

O estudantado da USC lembra Carvalho Calero

O presidente da AGLP, José-Martinho Montero Santalha, participará na semana de atividades em lembrança do professor Ricardo Carvalho Calero organizada pela Assembleia de Filologia da USC, em colaboração com o Departamento de Português, entre 10 e 20 de maio.

As atividades da Assembleia de Filologia serão na Sala de Graus da faculdade, e já solicitaram um crédito de livre configuração. A motivação para dedicar uma semana a Carvalho Calero deve-se à negativa da RAG de lhe conceder o Dia das Letras «por questões que ultrapassam o literário e lingüístico e se inserem simplesmente em disquisições políticas».

Lembram Carvalho Calero como «a memória da inteletualidade e do galeguismo do século XX» e conetor entre o Partido Galeguista e o novo nacionalismo galego «após a longa noite de pedra». Por isto, vindicam a homenagem para «um dos bons e generosos da Galiza».

eixosA seguir reproduzimos o programa desta semana, que durará 32 horas repartidas em três paineis temáticos:

1.- Carvalho Calero: biografia e inter-história (duração: 11 horas)

10 de Maio

  • 15:30 horas — Apresentação da Semana das Letras

  • 16:00 horas — O legado global de Carvalho Calero, por Aurora Marco.

  • 17:00 horas — Carvalho Calero e o Partido Galeguista, por Justo Beramendi.

  • 19:30 horas — Ricardo Carvalho Calero, historiador da literatura, por Arturo Casas.

11 de Maio

  • 16:00 horas — Projeção da entrevista a Carvalho Calero e debate posterior

  • 18:00 horas — Dos mestres à Academia Galega da Língua Portuguesa na Galiza. Percurso polo pensamento linguístico de Murguia, João Vicente Biqueira, Risco, Castelao e Carvalho Calero, por José-Martinho Montero Santalha.

2.- Carvalho Calero: a sua obra linguística: (duração: 10 horas e 50 minutos)

12 de Maio

  • 16:00 horas Apresentação

  • 16:30 horas — De Rodrigues Lapa a Carvalho Calero. O galego (im)possível? A evolução na teorização linguística de Carvalho. A “radical” proposta de Rodrigues Lapa. Reações a favor e em contra na Galiza. A herança de Carvalho no regeneracionismo, por Roberto Samartim e Valentim Rodrigues Fagim.

  • 19:30 horas — A gramatização e a elaboração formal da língua galega antes de 1980, por Ramón Mariño Paz.

18 de Maio

  • 16:00 horas — Entre o normativismo e o utilitarismo, perspetivas de Carvalho Calero e o Reintegracionismo desde o século XXI, por Carlos Figueiras.

  • 18: 30 horas — Carvalho Calero na lembrança, por Carme Blanco

3.- Carvalho Calero e a sua obra literária (duração: 10 horas e 50 minutos)

19 de Maio

  • 16: 00 horas Apresentação

  • 16:30 horas — 'Scórpio' e a obra narrativa de Carvalho Calero, por Carlos Quiroga

  • 19:00 horas — A obra teatral de Carvalho Calero, por João Guisám Seixas

20 de Maio

  • 16:00 horas — Recital lúdico-poético e leitura de um texto final reclamando o Dia das Letras Galegas para Carvalho. Recital a cargo de Carlos Quiroga, Alicia Fernández e Gonzalo Ermo. Leitura de uma escolma de poemas de Carvalho Calero.

  • 17:30 horas — Exposição da Fundaçom Artábria sobre Carvalho Calero. Com debate posterior

  • Pausa-café (30 minutos)

  • 20:00 horas — Encerramento da Semana das Letras. Conclusões e leitura do manifesto da Assembleia de Filologia para a o recolha de assinaturas para um Dia das Letras Galegas para Ricardo Carvalho Calero.

Mais info:

Ler 2219 vezes