Categoria: Membros Numerários Acessos: 1152

Herrero Valerio, Mario

Mario Herrero Valero 

CURRICULUM VITAE
 

Mário J. Herrero Valeiro
 
Corunha (02-02-1968)
 
 
Doutor em Filologia Hispânica pela Universidade da Corunha (2000). Licenciado em Filologia Hispânica pela Universidade de Santiago de Compostela (1991). Programa de Doutoramento “Discurso e sociedade” na Universidade da Corunha (1991-1993).
 
Professor Associado, tempo parcial (T3-P3), de Língua Espanhola na Faculdade de Ciências da Informação da Universidade de Santiago de Compostela”, ano letivo de 1994-1995.
 
 Tradutor Oficial (Juramentado) de Português, habilitado pelo Ministério dos Assuntos Exteriores do Reino de Espanha, com nomeação em 2006. Tradutor autónomo profissional a partir de setembro de 2001.
 
Publicações
 
Livros.
 
2011. Guerra de grafias e conflito de elites na Galiza contemporânea (textos e contextos até 2000). Através Editora: Santiago de Compostela.
 
2015. Ilusões glotopolíticas e criação de realidades: A substituição do galego e a normalização do espanhol na Galiza contemporânea (Textos e contextos no período 1971-2000). Através Editora: Santiago de Compostela.
 
Artigos em atas de Congressos, Simpósios ou Seminários.
 
1993. “Identidade e espaço nacional no discurso sobre a(s) língua(s) na Galiza (mínimas reflexões glotopolíticas e político-lin¬guísticas)”. Atas do Congresso Internacional A língua portuguesa no mundo, terceira língua de comunicação internacional, 200 milhões de lusófonos [Nós. Revista da Lusofonia 29-34], pp. 139-145.
 
1994. “ ‘Ciência’ e ideologia na ‘inves¬tigação sociolinguística’ na Galiza”. Atas do Congresso Internacional de Língua, Cultura e Literaturas Lusófonas [Temas do Ensino de Linguística, Sociolinguística e Literatura 27-38], pp. 195-205.
 
1995. “Emergência e desinte¬gração: elementos para uma definição das identidades grupais e linguísticas nos espaços plurilingues”. Atas do III Congresso Internacional de Literaturas Lusófonas [Nós. Revista Internacional da Lusofonia 41-50], pp. 167-188.
 
1996. “Planificação do corpus, planificação da identidade: uma interpretação glotopolítica da guerra de grafias na Galiza”. Pré-atas do Congresso Internacional A Construção Linguística da Identidade Social e Individual, Universidade de Évora, pp. 37-42.
 
1999. “Glotopolítica: uma especulação sobre delimitação e ideologização de conceitos”. Actas del I Congreso Internacional de la Sociedad Española de Historiografía Lingüística [Arco Libros, Madrid], pp. 397-407.
 
2003. “Ilusões glotopolíticas e planificação linguística na Galiza”. Actas do I Simposio Internacional sobre o Bilingüismo. Comunidades e individuos bilingües (edição em CD), Universidade de Vigo.
 
2003. “Pureza e (des)lealdade linguísticas na ideologização das condutas de fala na Galiza” (com Luzia Domínguez Seco). Actas do I Simposio Internacional sobre o Bilingüismo. Comunidades e individuos bilingües (edição em CD), Universidade de Vigo.
 
1993. “Ques¬tionário na Europa con¬tem¬porânea” (autoria coletiva). O uso da línguas minorizadas na pers¬pec¬tiva da Europa Comunitária, Corunha, Associaçom Galega da Língua,  pp. 49-60.
 
1993. “Pers¬pectivas de relacionamento cul¬tural entre Portugal e a Galiza no quadro europeu” (autoria coletiva). O uso da línguas minorizadas na pers¬pec¬tiva da Europa Comunitária, Corunha, Associaçom Galega da Língua, pp. 61-74
 
Livros coletivos, revistas e cadernos
 
1993. “Guerre des graphies et conflit glottopolitique: lignes de discours dans la sociolinguistique galicienne”. Plurilinguismes 6 (Sociolinguistique galicienne), pp. 181-209.
 
1993. “Elites e discurso linguístico. Poder, criação de reali¬dades e lógicas da exclusão democrática”. Formi¬gueiro. Revista da Federacións de Asociacións Culturais Galegas 1, pp. 14-17.
 
1995. Linhas discursivas e âmbitos de análise no discurso sobre a língua na Galiza. Primeiro cader¬no do segundo volume da Série Investigação dos Cadernos do Instituto de Estudos Luso-Galaicos da Associação de Amiza¬de Galiza-Portugal, 38 pp. Republicado, com correções, em Gil Hernández, António (ed.) (2009). Galiza: Língua e Sociedade (XIV Ensaios). Academia Galega da Língua Portuguesa: Santiago de Compostela, pp. 115-157.
 
1996. “O continuum da escrita na Galiza: entre o espanhol e o português” (com Celso Álvarez Cáccamo). Agália. Revista da Associaçom Galega da Língua 46, pp. 143-156.
 
1997. A centralização do conceito ‘diglossia’ na intervenção discursiva sobre a língua na Galiza (apontamentos para uma sistematização). Lynx. Documentos de trabajo. Centro de Estudios sobre Comunicación Interlingüística e Intercultural/Departament de Teoria dels Llenguatges de la Universitat de València. 55 pp.
 
1999 Recensão de Análise Crítica do Discurso. Uma perspectiva sociopolítica e funcional (org. Emília Ribeiro Pedro) (com Luzia Domínguez Seco). Revista Iberoamericana de Discurso y Sociedad 1:4, pp. 134-138.
 
2000 “Os Novos Galegos e o uso do Galego como inciso conversacional”. Agália. Revista da Associaçom Galega da Língua 62, pp. 77-101.
 
2000 “A ortografia, campo de lutas (sobre as grafias como índice ideológico e identitário”. Agália. Revista da Associaçom Galega da Língua 63-64, pp. 39-74.
 
2001 “Monolinguismo e purismo (A ideologização das práticas de fala na Galiza)” (com Luzia Domínguez Seco). Revista Iberoamericana de Discurso y Sociedad 3.1: 9-41.
 
2003 “The discourse of language in Galiza: Normalisation, diglossia, and conflict”. Estudios de Sociolingüística. Vol. 3(2) – 4(1): 289-320.
 
2006 "António Gil Hernández: Os olhares incómodos. Palavras para o livro Temas de Linguística Política". Agália. Revista da Associaçom Galega da Língua 85-86: 262-268
 
2009. "O labirinto ortográfico galego: das propostas de padronização aos usos públicos quotidianos", em Carvalho, Ana M. (org.). Português em Contato. Iberoamericana / Vervuert: Madrid / Frankfurt am Main. 337:358.
 
2009. "Quando o bilinguismo era bom. Notas para um estudo crítico do nacionalismo lingüístico espanhol na Galiza até 2000". Boletim da Academia Galega da Língua Portuguesa 2: 161-170.
 
Publicações de criação literária (apenas livros).
 
1999. No limiar do silêncio. Poemas da estrangeirice. VII Premio de Poesia Espiral Maior. Corunha, Espiral Maior.
 
2001. Cartografia da Atrocidade. Lisboa, Edições Tema.
 
2005. A Vida Extrema. ArcosOnline (edição eletrónica).
 
2013. Outra vida. 22 poemas, uma confissão e um esclarecimento. Santiago de Compostela, Através Editora.
 
2014. Da vida conclusa. II Prémio de Poesia O Figurante. Santiago de Compostela, O Figurante Edicións. Prémio Glória de Sant’Anna 2015.
 
2016. A razão do perverso. X Prémio de Poesia Illas Sisargas. Malpica. Caldeirón.
 
1995. 7 Poetas (livro coletivo), Corunha, edição não venal patrocinada pela Agrupação Cultural O Facho, pp. 7-27.
 
1993. I Certame Literário (livro coletivo), Corunha, Faculdade de Humanidades-Universidade da Corunha.
 
1990. Matria da Palavra. Antologia de poetas galego-lusofonos (livro coletivo). Pontevedra-Braga, Cadernos do Povo. Revista Internacional da Lusofonia 15-18, pp. 78-80.