Categoria: Info Atualidade Acessos: 1707

Resumo

Inserido na promoção de redes de intercâmbio entre investigadores nos estudos sociolinguísticos e antropológicos do discurso, do multilinguismo e da política de línguas,  nomeadamente da organização de uma Associação Ibérica e Internacional sobre Estudos do Discurso (EdiSO), Celso Alvarez-Cáccamo propõe-se a apresentar uma panorâmica das políticas da língua na Galiza e da situação sociolinguística atual, com a crescente perda do uso do galego (a forma do português da Galiza) como idioma próprio, à luz do modelo de mercado e capitais inspirado por Pierre Bourdieu. Esta apresentação entra em comparação com a pesquisa desenvolvida no CES no âmbito do multilinguismo e das políticas de língua em contextos que envolvem o português em equação com outras línguas em múltiplos espaços e escalas, seja em contextos migratórios ou outros.

Nota biográfica

Celso Alvarez Cáccamo (Vigo, Galiza, 1958) é professor titular da área de Linguística da Faculdade de Filologia da Universidade da Corunha, com interesse na sociolinguística, na análise do discurso e da conversa, e nas relações entre língua(s), poder, mercados, instituições e ideologias.